quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Ocasiões para NÂO SE APLICAR a Crochetagem


>






Como toda técnica dentro da Fisioterapia, a Corchetagem também tem suas contra-indicações, que são aqueles itens que aos invés de ajudar, pode prejudicar o paciente.

As principais contra-indicações para a técnica são:

  • o terapeuta agressivo ou não acostumado com o método, que pode causar agressões na pele do paciente
  • os maus estados cutâneos (pele hipotrófica, pele com úlceras, as dermatoses como eczema e psoríase) pois já que é um método que o gancho age sobre a pele, pode piorar as lesões descritas;
  • maus estados circulatórios fragilidade capilar sanguínea, reações hiperistamínicas, varizes venosas, adenomas já que a atuação do gancho sob a pele pode agravar isso;
  • pacientes que estão fazendo uso de anticoagulantes pode favorecer o aparecimento de lesões subcutaneas;
  • abordagem demasiadamente direta em processos inflamatórios (tenosinovite, entre outras) podem provocar a piora do quadro, já que o gancho atua de forma direta na região lesada;
  • psicológica (estresse, emoções, entre outras);
  • idade (crianças ou idosos) ou solicitação do paciente;
  • hiperalgia insuportável , por motiviso óbvios!
A Crochetagem é mais um método da Fisioterapia para ajudar profissionais a reabilitar seus pacientes da melhor forma possível. Prestando atenção na forma como agir, nas indicações e no que não pode fazer, a tendência é que esse método se torne cada vez mais conhecido.

Navegue pelo blog e saiba mais sobre essa técnica. Basta ir nos últimos posts ou na aba ARQUIVO, aía direita!

\o/

Você conhece o nosso Drive Virtual de Conteúdo? Clique aqui e conheça!

Comente:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comment

facebook