sexta-feira, 5 de julho de 2013

Metodo Halliwick na estimulação da marcha em crianças com Sindrome de Down


>






A síndrome de Down é uma anomalia genética que afeta o cromossomo 21, causando diversas desordens, dentre as quais a hipotonia é a mais freqüente e expressiva, a qual resulta no comprometimento motor e cognitivo. Desse modo, foi realizado um estudo de caso em uma criança que possui o controle de tronco e não deambula. Para minimizar este quadro, foi utilizado a hidroterapia, especificando o método Halliwick, como tratamento alternativo para facilitar a normalidade do tônus muscular, com objetivo de estimular a marcha desta criança. Como método de comprovação, foi realizado a avaliação inicial desta criança, baseada na escala de Denver II, em seguida iniciou-se as oito sessões de hidroterapia, duas vezes na semana. Os resultados foram baseados nos dados da primeira e da última avaliação, realizando uma comparação do estado inicial e final da criança, enfatizando a evolução do equilíbrio e do força muscular. Através dos dados analisados, foi constatado a eficácia do método Halliwick na estimulação precoce do tônus muscular na criança portadora da síndrome de Down, ajudando também na socialização da criança com o meio aquático, estimulando futuramente a prática de atividades neste meio.

Tabela 1 mostra a evolução do paciente através do equilíbrio dinâmico e estático, comparando com a evolução da força muscular da 1° a 8° sessão.


N° de sessões
Equilíbrio Dinâmico
Equilíbrio Estático
Força Muscular
1° Sessão
Ausente
Ausente
Grau 3
2° Sessão
Ausente
Ausente
Grau 3
3° Sessão
Ausente
Ausente
Grau 3
4° Sessão
Presente
Presente
Grau 4
5° Sessão
Presente
Presente
Grau 4
6° Sessão
Presente
Presente
Grau 4
7° Sessão
Presente
Presente
Grau 4
8° Sessão
Presente
Presente
Grau 5

Você conhece o nosso Drive Virtual de Conteúdo? Clique aqui e conheça!

Comente:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comment

facebook

Outros Posts de Terapia Manual


Receba no seu Email:

Todos os posts deste blog