quarta-feira, 24 de julho de 2013

RPG contra Lesões


>





A visão de que o corpo é uma máquina trouxe a necessidade de técnicas que regulem e ajustem essa máquina para que funcione em perfeita harmonia. Atletas, de alto rendimento ou amador, que realizam um trabalho diário de treinamento necessitam de ajustes no corpo.

A Reeducação Postural Global (RPG) é uma dessas técnicas que auxiliam o atleta a trabalhar o corpo de forma integral. O atleta aprende a utilizar um simples músculo ou grupos musculares em sincronia com sua respiração. Enquanto um músculo se contrai com a força necessária para executar uma tarefa, outro tem de relaxar com a mesma força, evitando, assim, alterações posturais e eventuais lesões.

O trabalho inicia com uma anamnese, na qual é colhida a história atual e pregressa do atleta. Seus exames complementares são analisados e comparados com a avaliação postural.

Na avaliação postural observa-se todos os segmentos do corpo. Cabeça, ombros, dorso, lombar, pelve, joelhos e pés são avaliados de forma global, analisando os pontos de maior tensão e sua influência na queixa do atleta. Assim, teremos toda a cadeia muscular que deve ser trabalhada para o equilíbrio do tônus muscular.

O objetivo da RPG é que o atleta esteja o mais alinhado possível, com a contração muscular necessária para manter esse alinhamento e uma respiração livre. E respiração diafragmática é solicitada durante toda a sessão. Posturas de facilitação ou manobras miofasciais são usados para normalizar o tônus muscular e conscientização postural.

Na prática, as principais queixas são: dores em coluna lombar e cervical, tendinites em tendão do bíceps e fraturas por estresse (1/3 média de tíbia e tornozelo), que na maioria das vezes estão relacionadas com alguma alteração postural, seja essa alteração de um único segmento ou de um conjunto.

O tratamento dura de seis meses a um ano, dependendo da colaboração e capacidade de aprendizagem de cada atleta. As sessões acontecem uma vez por semana, nas quais são realizadas as posturas globais e repassados os exercícios a serem realizados em casa. São exercícios respiratórios e de relaxamento que ajudam no trabalho de conscientização e devem fazer parte da rotina de cada atleta.

Sabemos que o esporte pode causar vários tipos de lesões, mas que a grande maioria dos atletas poderia evitá-las com simples exercícios. Muitas lesões que iniciam com uma dor, passando para um processo inflamatório e terminando como uma fratura por estresse, podem ser evitadas.           

Alongue-se antes, durante e depois do seu treino, mas alongue com consciência, pensando no movimento e nos músculos que estão sendo trabalhados. Explore sua respiração e veja como pode ajudar no trabalho postural. Cuide do seu corpo como uma máquina. Essa máquina deve estar bem ajustada para que um simples parafuso não pare todo o equipamento. Dessa forma, vai funcionar por muitos e muitos anos e sempre em alta rotação.

Por Dr. Marcos Bastos da Silva Júnior
Fisioterapeuta graduado pela Universidade Gama Filho e especializado em Fisioterapia Desportiva
www.drfisio.com.br
Matéria publicada originalmente na Revista SuperAção (Ed. 12)


Você conhece o nosso Drive Virtual de Conteúdo? Clique aqui e conheça!

Comente:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comment

facebook

Outros Posts de Terapia Manual


Receba no seu Email:

Todos os posts deste blog