segunda-feira, 21 de maio de 2018

Saiba mais sobre o Rolfing


>





O Rolfing é um tratamento realizado através de toques especializados, profundos e precisos feitos com as mãos, para eliminar as tensões e encurtamentos musculares, diminuindo dores, corrigindo a postura e melhorando os movimentos. Basicamente, é um método que se utiliza da terapia manual e a fáscia como matéria-prima, equilibrando suas tensões e moldando esse tecido para que possa se relacionar de modo mais harmonioso em relação à gravidade, repercutindo positivamente na postura, na presença e na movimentação do paciente.

As pessoas estão ficando cada vez mais sedentárias, muitas delas estão tendo péssimos hábitos posturais, pequenos ou grandes acidentes, uso inadequado do corpo e aos poucos, as consequências vão aparecendo como: dor nas costas, nos ombros, dificuldade para andar com a postura correta e dificuldade de ficar em pé por muito tempo. Enfim, esses são os problemas mais frequentes que surgem devido à vida sedentária das pessoas. Quando percebemos, já estamos andando totalmente tortos e com a postura errada, por isso é necessário que seja feito um tratamento adequado.

O Rolfing é um tratamento através de toques especializados, profundos e precisos para eliminar as tensões e encurtamentos musculares, ou seja, diminuem as dores, corrige a postura e melhora os movimentos. Um profissional rolfista ensina também ao seu paciente como utilizar melhor o corpo e não deixá-lo sobrecarregado durante as atividades do dia a dia e nos exercícios físicos.

O Rolfing permite aos pacientes que ampliem a percepção dos seus movimentos, aprendendo a se mover de maneira natural, econômica e eficiente. Alguns hábitos como traumas físicos, emocionais ou má postura são alguns dos principais fatores que podem impedir o individuo de estar bem alinhado em relação à força da gravidade. Esses fatores são responsáveis por tensões crônicas e desconfortos tanto físicos como emocionais. Quando percebemos essa má postura, tentamos endireitar o corpo corretamente com novas posturas a custa de muito esforço e, é nessas horas que o rolfista entra em cena para lhe ajudar.

A principal diferença é que se trata de um trabalho não corretivo/consertador, mas holístico, levando em consideração vários aspectos do ser humano. Além disso, valoriza a importância da gravidade e sua relação com o sistema fascial.

Uma das vantagens do método é obedecer a um paradigma holístico e repercutir positivamente sobre a postura do paciente, seja relacionada à integração estrutural ou postura em relação ao espaço e às pessoas. Inicialmente, a melhora se dá em nível físico, liberando a rigidez e tensões que causam dores, reorganizando as estruturas do corpo, melhorando a postura e a consciência postural. Em segundo plano, a abordagem do Rolfing, ao trabalhar a fáscia e a percepção, produz uma ação sobre o sistema nervoso, implicando em benefícios relacionados à resposta de relaxamento e de bem-estar físico e mental.

O Rolfing pode ser indicado para todas as pessoas independente da idade e sexo. Principalmente para as pessoas que sofrem com problemas de más posturas ou pessoas que apresentam dificuldade de movimentos, mas também pessoas que sofreram traumas físicos, dor nas costas, pescoços e dificuldades no movimento corporal, devido algum acidente, doenças ou traumatismo. O Rolfing é recomendado também para pessoas que estão submetidas a problemas emocionais como, estresse no dia a dia ou simplesmente para as pessoas que desejam melhorar o seu desempenho profissional.

O Rolfing é um tratamento apreciado também por pessoas que estão de algum modo ligado às artes corporais ou de movimentos, como bailarinos, atletas, educadores físicos e praticantes de artes marciais.

O Rolfing tem apresentado resultados bastante satisfatórios nos casos de bursites e tendinites. Todas as pessoas que possuem interesse em cuidar da saúde podem aderir à técnica do Rolfing, assim como todas as pessoas de todas as idades que queiram melhorar a postura do seu corpo e, consequentemente a sua qualidade de vida. O Rolfing não é apenas um tratamento que oferece mais estrutura e base ao corpo, mas também ajuda as pessoas a lidar com mudanças pessoais e profissionais.

O trabalho inicia com a observação e análise da estrutura corporal e dos padrões de movimento do paciente. Em conjunto com o técnico, são discutidas as sensações e percepções, observando-se o alinhamento dos membros do corpo, a relação entre si, identificando áreas de imobilidade e de tensão, áreas com rotações e torções e a existência de problemas específicos (geralmente dores) do paciente, criando-se assim um plano de aplicação ideal para cada caso. Geralmente, são realizadas de 10 a 15 sessões estruturais e de movimento, cada um com duração média de uma hora.

Muitas pessoas que já experimentaram o Rolfing garantem que sentiram melhoras na flexibilidade e estabilidade, redução das dores de cabeça e nas costas de forma significativa, maior conscientização da expressão corporal, melhora na segurança da pessoa e ajustamento físico em geral. Além da postura ereta e correta que proporciona uma sensação de leveza ao individuo e aumento da autoconfiança, levando as pessoas a adquirirem uma maior adaptação às novas situações do cotidiano.

Experiências mostram que o tratamento com um rolfista apresenta resultados douradores. Claro que a durabilidade do tratamento vai depender do modo como cada pessoa encara a vida e da conscientização individual. É importante encarar os problemas do cotidiano com muita autenticidade e flexibilidade. A conquista da boa postura, sem dúvidas é um desafio constante.

Os movimentos do Rolfing trabalham com os seguintes objetivos:

  • Desenvolver suporte e equilíbrio para a atividade no campo gravitacional.
  • Ensinar os movimentos de forma harmoniosa com a gravidade.
  • Despertar um corpo aberto e responsivo, podendo ajudar o praticante de Rolfing a usar a força interna e o alinhamento para se mover ao invés de utilizar esforço e tensão.

Os resultados dos movimentos Rolfing com o passar do tempo são: aumento de graça, facilidade, eficiência, flexibilidade e harmonia nos movimentos, uma consciência maior do corpo, maior contato com o seu corpo e com as sensações e sinais corporais, relaxamento de padrões e tensões causados pelas pessoas que tendem a ter hábitos posturais ruins.



Você conhece o nosso Drive Virtual de Conteúdo? Clique aqui e conheça!

Comente:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comment

facebook